PATAFÍSICA ITALIANA - JOVENS VIDEOARTISTAS

Inauguração 9 de abril às 20h

de 10 a 12 de abril a partir das 18h30

Sala 2, Cinema São Jorge, Lisboa

Durante a 11ª Festa do Cinema Italiano de 2018, no Cinema São Jorge, Da Luz Collective apresenta a Patafísica Italiana - jovens videoartistas, uma projeção de vídeo em loop no dia 9 às 20h e nos dias 10, 11 e 12 a partir das 18h30.

 

Patafísica italiana pode ser imaginada como uma pequena “janela aberta sobre o mundo”, numa referência entre representação e imaginação, que permite enquadrar a pesquisa e as obras que alguns jovens artistas italianos têm desenvolvido nos últimos anos: WHAT TIME IS LOVE? de Anna Franceschini, estreia em Portugal; Untitled (Misteri d’Italia) e An inaccurate distance de Giovanni Giaretta; C’est la vie de Simone Rovellini, Onde de Francesco Bertocco, Storie di fantasmi per adulti de Diego Marcon e Forte di Pozzacchio/Valmorbia Werk de Giacomo Raffaelli.

O ciclo de projeções dos trabalhos destes jovens autores é acompanhado pela obra de um dos mais reconhecidos artistas italianos da cena contemporânea: Yuri Ancarani. O vídeo escolhido é Il Capo (2010), que faz parte da trilogia The Malady of Iron na qual se analisa a relação alienante do trabalho homem/máquina. É um projeto que se relaciona com a ideia apresentada de patafísica, como determinação de caso específico – o contexto da obra é a extração do mármore de Carrara – num equilíbrio de forças entre visão, tacto e ouvido, onde as personagens são sujeitas às ordens do chefe, imersos numa atmosfera paisagística de rara beleza, criando uma situação única e sublime.

Patafísica italiana - jovens videoartistas é uma perspetiva que os curadores selecionaram para esta exposição mas que reflete uma exigência mais profunda: como podemos repensar a articulação entre o real e a ficção? Como devemos considerar os pequenos fenómenos que nos circundam? Qual é a relação entre esses fenómenos e o mundo em que vivemos?

 

 

Press release

 

 

  • Facebook - Black Circle
  • Instagram - Black Circle